Um mapa diferente

Outro dia estava olhando uns posts de decoração e encontrei um mapa lindo na parede de um quarto de criança. Era algo que nunca encontrei por aqui e fiquei com vontade fazer parecido para o quarto do meu filho na casa nova.

A idéia era fazer os continentes com tecidos diferentes, tendo por fundo papel de parede azul estampado. Pensei em comprar um mapa comum, para ter o modelo dos continentes, mas não encontrei nenhum mapa grande o suficiente para a parede. Além disso, eu teria dificuldade em colar os continentes na parede com as distâncias corretas (já que teria que desmembrar o mapa por continente para poder fazer os moldes).

Acabei encontrando um mapa do jeito que eu queria, com estampas diferentes por continente. Como ele era menor do que o que eu tinha em mente, resolvi transformá-lo em um quado. Mandei fazer uma moldura grande, de 1,40m por 0,80m e comprei papel de parede listrado azul.

Comecei colando o papel de parede no fundo do quadro, depois fui colando os adesivos, por fim colei os itens adicionais (Torre Eiffel, Estátua da Liberdade, etc). Desviei um pouco da idéia original, mas consegui manter minha inspiração e fazer algo bonito!

O pequeno também gostou!

2

3

4

 

5

6

Agora as 1001 utilidades do vidro

Depois do post com idéias diferentes para as latas, resolvi fazer um sobre os potes de vidro tentando, também, sair da mesmice de sempre.

Para guardar linhas e alfinetes:

Para guardar lápis, canetinha, giz de cera, etc:

Se você ainda pintar um bichinho de plástico e a tampa da mesma cor, fica melhor ainda:

Para guardar maquiagem:

Como porta-retrato:

Como porta-talheres (já mostrei ago parecido que fiz em um almoço em casa aqui):

E finalmente, como porta-tempero (meus preferidos!!):

Confesso que está me faltando tempo, mas quando conseguir vou fazer alguns desses usando tinta de lousa (com potes de papinha):

O difícil é achar vidros com formato bonito, mas hoje em dia há alguns por aí (de papinha, de suco, de molho de tomate, dentre outros). Boa sorte com seus projetos!

2 camisetas velhas = 1 vestido novo!

Resolvi fazer uma limpeza no sótão e encontrei várias coisas que nem sabia que ainda existiam! Se você também guarda as coisas, sem nem saber porque, aqui vai uma boa idéia de reciclagem!!

Encontrei duas batas de malha estampadas e algumas regatas. Peguei as que mais combinavam entre si e resolvi fazer um vestido.

1

Como não gosto de nada muito curto, cortei a bata logo abaixo do braço, mas se você quiser, pode cortar mais abaixo.

Costurei  um elástico para franzir a saia (fica mais fácil para costurar a parte de cima). Medi onde seria o comprimento da saia para cortar a regata (não esqueça de cortar uma folga de 2 cm). Depois de medido é só costurar pelo avesso.

2

3

Fiz 2 vestidos novos e de quebra ganhei um espacinho no sótão!

4